Fale com a Nina


 
13.mai.2021

Lucro líquido da Intelbras cresce 468% no primeiro trimestre

A Intelbras, de São José, acaba de divulgar um bom momento financeiro do primeiro trimestre. Os principais destaques foram lucro líquido de R$ 89,7 milhões, representando um crescimento de 468,6%, e a receita operacional líquida foi R$ 696.5 milhões no trimestre, representando um crescimento de 56%.

“Iniciamos o ano de 2021 dando continuidade aos projetos e às estratégias que foram responsáveis pelo forte crescimento realizado no trimestre anterior. Neste contexto, a Intelbras apresentou resultados importantes de volume em seus três segmentos de atuação. Energia cresceu 93% em receita e 36,5% em volume, principalmente devido ao forte crescimento da linha de geradores de energia solar on-grid, e o crescimento de volume, acima de dois dígitos, das unidades de Comunicação e Segurança”, afirma Altair Silvestri, CEO da empresa.

No início de abril, a Intelbras adquiriu 75% das cotas da Khomp Indústria e Comércio Ltda, agregando tecnologia e um portifólio complementar aos produtos de comunicação.

“Nossos projetos de expansão de capacidade industrial iniciados no trimestre anterior estão sendo executados conforme nossos planos, de forma que nossas expectativas para 2021 continuam sendo a de um ano de crescimento e de oportunidades”, explica o empresário.

Em seus três segmentos de atuação (comunicação, segurança e energia), a companhia cresceu 56,1% em receita operacional quando comparado ao mesmo período do último ano.

Devido ao acelerado ritmo de crescimento, o segmento de energia passou a representar 13% dos negócios, dois pontos percentuais acima do que representava no mesmo período do ano anterior.

“No mês de março, concluímos a recomposição de nossos estoques de painéis fotovoltaicos e de inversores, de forma que o plano de crescimento para 2021 seja cumprido e oportunidades de crescimento acima do previsto não sejam perdidas”, afirma Altair.

O segmento de comunicação também apresentou um excelente crescimento de receita operacional líquida de 65,8% com relação ao mesmo período do ano anterior.

Destaca-se a unidade de negócio de redes que continua comercializando volumes acima dos previstos, mesmo com toda a dificuldade de abastecimento encontrada no mercado global de chipsets.

As unidades de negócios que compõem o segmento de segurança eletrônica continuam se destacando pelo seu crescimento nos três canais de comercialização, alcançando 43,7% de aumento com relação ao primeiro trimestre do ano anterior.

Do ponto de vista das margens, observa-se uma estabilidade no segmento já que os preços de vendas refletem a realidade do estoque.
 

Notícia completa disponível em: https://www.economiasc.com/2021/05/11/lucro-liquido-da-intelbras-cresce-468-no-primeiro-trimestre/